Você está aqui

Sistemas fotovoltaicos isolados

O Laboratório de Sistemas Fotovoltaicos participou ativamente do processo de elaboração e discussão da Resolução Normativa ANEEL No.83/2004. Paralelamente a discussão dessa resolução executou, com apoio do CNPq e do MME, a implementação de um projeto piloto para Eletrificação de 23 residências em uma comunidade ribeirinha da Amazônia utilizando Sistemas Fotovoltaicos Domiciliares, tais sistemas se enquadram na Classe de Atendimento SIGFI13, conforme a Resolução Normativa ANEEL N° 83/2004. O projeto contemplou os seguintes objetivos específicos:
 

  • Implementar um modelo de gestão, operação e manutenção dos sistemasInstalar Sistemas Fotovoltaicos Domiciliares com disponibilidade mensal de 13 kWh/mêsAtendimento em corrente alternada: 127 VCA, senoidalMonitorar as taxas de falhas e interrupção do serviço (DIC mensal e anual)Monitorar o nível de satisfação dos usuáriosDar subsídios aos programas de eletrificação com SIGFI em comunidades ribeirinhasDivulgar amplamente os resultados
  • Implementar um modelo de gestão, operação e manutenção dos sistemas
  • Instalar Sistemas Fotovoltaicos Domiciliares com disponibilidade mensal de 13 kWh/mês
  • Atendimento em corrente alternada: 127 VCA, senoidal
  • Monitorar as taxas de falhas e interrupção do serviço (DIC mensal e anual)
  • Monitorar o nível de satisfação dos usuários
  • Dar subsídios aos programas de eletrificação com SIGFI em comunidades ribeirinhas
  • Divulgar amplamente os resultados

Vista externa e interna de um SIGFI 13 instalado em monitorado pelo LSF-IEE/USP

No segmento de SIFGI o LSF-IEE/USP, no ano de 2008, revitalizou sistemas fotovoltaicos domiciliares instalados em 1996 para o padrão SIGFI. Estes sistemas estão em área de concessão da ELEKTRO e são monitorados pelo LSF-IEE/USP.

                                   

                            

Vista e detalhes do SIGFI revitalizado, utilizando conversor CC/CA de fabricação nacional e baterias com maior resistência aos ciclos de carga e descarga.